Maia

 

Nova moradora do Santuário.

Chegou, veio de outra cidade.

É uma eguinha que tem tanta tristeza…

Tem uma orelha deformada e muita dificuldade pra andar. Problemas nos tendões que só se resolve com cirurgia.

Sente dores…

Ela consegue deitar e levantar sozinha mas fica bastante tempo deitada. Em janeiro teremos que interna- la no hospital pra cirurgia. Vamos precisar muito muito mesmo de ajuda.

Ela é tão pequena e dói saber que estava na carroça.

Um grande desafio tirar essa tristeza do seu coração. Comecei dando colo, abraçando ela, sentadas na grama molhada da chuva. Chorei abraçada a ela e pedi perdão por tudo de mal que já lhe fizeram, pedi que acreditasse em mim, que acreditasse em nós… que pudesse permitir que nosso amor entre em seu coração.

Seu nome é Maia, intuído pela voluntária e amiga do Santuário Monica De Conti .

Peço vibração de amor e cura pra ela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *