Mahara

Mahara foi resgatada em 13 de junho de 2020 em Taubaté SP, após ter sido atropelada.

Teve fratura grave, rompimento de artéria, estava com o úbere cheio de leite que indica que havia gerado uma vida recentemente.

Passou por cirurgia, engessamos, tentamos a consolidação mas, infelizmente, não foi possível. A perna teve que ser amputada e estamos lutando por uma prótese para ela.

Está se adaptando, anda com as três pernas por todo o santuário.

Nos encanta com sua vontade de viver.

Nós lutaremos com ela sempre, sempre…

Pois não existe jeito certo de matar quem não deseja morrer.

O investimento na recuperação dela é alto, mas não desistiremos…

ÁLBUM DA MAHARA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *